top of page

Crianças com necessidade especial no aprendizado.


Pessoas com deficiência intelectual ou cognitiva costumam apresentar dificuldades para resolver problemas, compreender ideias abstratas (tempo, dinheiro, piadas), estabelecer relações sociais, compreender e obedecer a regras, e realizar atividades cotidianas.


O professor é capaz de identificar rapidamente o que o aluno não é capaz de fazer. O melhor caminho para se trabalhar, no entanto, é identificar as competências e habilidades que a criança já tem, e trabalhar a partir daí.

É preciso adaptar e parcelar o conteúdo, sua exposição, seu tempo para a realização das atividades e estimular a ajuda dos colegas de sala.


Outro ponto muito importante é falar para o aluno com deficiência intelectual, previamente, o que será necessário para realizar determinada tarefa e quais etapas devem ser seguidas. Essa atitude de avisar com antecedência o que está previsto ocorrer em cada local, em cada momento, é uma ótima prática para todas as relações sociais, evidenciando as possíveis variações, consequências e soluções.


Todas as pessoas com diversos níveis de deficiência são capazes de aprender e evoluir, só é preciso dedicação para encontrar as formas e técnicas mais adequadas para cada caso.

Se sua família está vivendo ou conhece quem esteja vivendo essa situação, peça ajuda profissional na escola, e órgãos de saúde mental.


Kommentare


bottom of page